Olha uma nova crónica.
Não sei se me apetece ler.
O título é desinteressante
E eu tenho mais que fazer.

Para ler é preciso atenção
E eu estou muito cansado.
Nem sequer vou fazer jantar,
Compro antes um frango assado.

Quero ver filmes e séries,
Não me deixes em dilemas.
Tenho pouco tempo livre
E nem gosto de poemas.

Não preciso de me justificar,
Eu faço o que eu quero.
Não mandas em mim,
Vou comer um Ferrero.