É sempre muito mais fácil culpar alguém pelo que de mal acontece a alguém. Eu não pertenço a essa equipa, mas hoje jogo desse lado. Só hoje!

Hoje foi dia de jogo, foi dia de ver a selecção! Não vou comentar o jogo, nem falar sobre o que aconteceu durante os 90 minutos. Para isso, existem cerca de 900 pessoas que já o fazem em variadíssimos (mas iguais) programas de televisão sobre futebol. Vou só dizer isto: hoje Portugal não ganhou e a culpa é do Pedro Abrunhosa!

Atenção! Eu não tenho nada contra ele, nem contra a música que ele fez para apoiar a selecção. Está tudo muito giro, os anúncios, a ideia, o conceito, gosto disso tudo. O que me chateia é que a música é muito calminha.

Músicas de apoio a um clube, seja qual for o desporto, tem de ser animadas, ou gritadas de tal forma que são hinos arrepiantes. A música “que vai ajudar a selecção a ganhar o Europeu” é muito desmotivante. É calma, é parada e, quando cantada em estádio, fica um ambiente realmente estranho. Sobre músicas de apoio à selecção tenho muito mais a dizer, mas hoje fico-me por aqui.

Uma coisa é certa! Se os jogadores ouvem a música antes de entrar em campo, o empate fez todo o sentido!